PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO PARA AS RELAÇÔES ÉTNICO-RACIAIS NO CONTEXTO DA EDUCAÇÂO INFANTIL

  • Fernanda Alencar Lima Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Patrícia Maria Uchôa Simões Fundação Joaquim Nabuco
  • Claudilene Maria da Silva Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Palavras-chave: Infâncias. Educação infantil. Educação das Relações étnico-raciais.

Resumo

Este texto apresenta um ensaio teórico produzido a partir de dissertação do mestrado e teve como objetivo refletir acerca da educação para as relações étnico-raciais no contexto da Educação Infantil, considerando estudos recentes da área. A perspectiva teórica adotada teve como base os Novos Estudos Sociais da Infância, que compreende a infância como uma categoria estrutural da sociedade e a criança como ator social, sujeito de direitos (SARMENTO, 2005; MARCHI, 2009; PROUT, 2010; QVORTRUP, 2010), articulada com os estudos que discutem a educação das relações étnico-raciais (CAVALLEIRO, 1998; 2005; BENTO, 2002; CAVALLEIRO, 2005; GOMES, 2005; 2012; MUNANGA, 1999).  Como conclusão destaca-se que o campo de pesquisa discutido no artigo tem se ampliado, no entanto, registra-se a preocupação para que as discussões acerca da ERER na Educação Infantil se ampliem com a intenção de que sejam evitadas as ameaças de retrocesso e que possam ser garantidas as conquistas e avanços.

Biografia do Autor

Fernanda Alencar Lima, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Mestranda em Educação, Culturas e Identidades- Universidade Federal Rural de Pernambuco/Fundação Joaquim Nabuco- UFRPE/FUNDAJ. Graduada em Licenciatura em Pedagogia- Universidade Federal Rural de Pernambuco- UFRPE.  Membro do o Grupo de Pesquisa Infância e Educação na Contemporaneidade: reflexões interdisciplinares - GPIEDUC.

Patrícia Maria Uchôa Simões, Fundação Joaquim Nabuco

Doutora em Psicologia Cognitiva pela Universidade Federal de Pernambuco. Atualmente é Analista em C&T Senior da Fundação Joaquim Nabuco e docente do Programa de Pós-graduação em Educação, Culturas e Identidades da UFRPE/FUNDAJ. Coordena o Grupo de Pesquisa Infância e Educação na Contemporaneidade: reflexões interdisciplinares - GPIEDUC.

Claudilene Maria da Silva, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira

Possui graduação em Pedagogia (2004), Mestrado em Educação (2009) e Doutorado em Educação (2016) pela Universidade Federal de Pernambuco. Atualmente é professora da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB) - Campus dos Malês e membro do grupo de pesquisa NYEMBA - Processos Sociais, Memórias e Narrativas Brasil/África.

Publicado
2023-07-13
Como Citar
Lima, F. A., Simões, P. M. U., & da Silva, C. M. (2023). PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO PARA AS RELAÇÔES ÉTNICO-RACIAIS NO CONTEXTO DA EDUCAÇÂO INFANTIL. Diálogos Interdisciplinares, 14(3), 251-262. Recuperado de https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/view/1346