DIFICULDADES DE ACEITAÇÃO DA SOCIEDADE EM RELAÇÃO A PESSOAS COM ESQUIZOFRENIA

  • Patricia Vieira dos Santos Centro Universitário Brazcubas
  • Fábio Guedes de Souza Centro Universitário Brazcubas
  • Valdir de Aquino Lemos Centro Universitário Brazcubas
  • Luís Sérgio Sardinha Centro Universitário Brazcubas
Palavras-chave: esquizofrenia, qualidade de vida a pessoa com esquizofrenia, saúde mental

Resumo

RESUMO

A esquizofrenia é um transtorno mental que causa sofrimento importante, não só ao indivíduo como também a todos que estão ao seu entorno, tornando-os vítimas tanto da patologia quanto do preconceito. Mesmo com a inovação e o aumento de ações que buscam melhorar a qualidade da saúde mental, a reinserção na sociedade e a busca de atendimentos qualificados para os indivíduos com doença mental diagnosticada de esquizofrenia, ainda assim não tem sido o suficiente para que este indivíduo seja aceito na sociedade, pois a esquizofrenia traz ao indivíduo prejuízo cognitivo dificultando assim o seu convívio relacionado com a sociedade. Assim o objetivo deste estudo é descrever e discutir as dificuldades de aceitação da sociedade enfrentada por pessoas com esquizofrenia. Para este trabalho foram utilizados 26 artigos científicos e 3 livros datados entre 1991 a 2019 totalizando 29 artigos lidos. Os artigos científicos foram pesquisados na base de dados da Scielo, pepsic, google acadêmico, teses de mestrado e doutorado, revistas e livros. Os resultados do presente estudo apontam que a sociedade tem se mostrado incapaz de sentir o sofrimento do indivíduo com esquizofrenia devido aos seus hábitos sociais inadequados, cuidados de higiene precários e isolamento social consequentemente passam a rotulá-los de loucos, sendo assim notório a discriminação sofrida por pessoas com esquizofrenia, dificultando ainda mais a sua reinserção social, fazendo com que eles se isolem de seu convívio social. Com base nos resultados do presente estudo pode se concluir que as pessoas com esquizofrenia tem enfrentado dificuldades de aceitação social, vivenciando uma irreal inclusão na qual saíram de instituições particulares e passaram a viver confinadas dentro de suas casas devido aos julgamentos e preconceitos enfrentados.

Palavras-chave: esquizofrenia, qualidade de vida a pessoa com esquizofrenia, saúde mental.

ABSTRACT
Schizophrenia is a mental disorder that causes significant suffering not only to the individual but also to everyone around them, making them victims of both pathology and prejudice. Even with the innovation and increased actions that seek to improve the quality of mental health, the reintegration into society and the search for qualified care for individuals with mental illness diagnosed with schizophrenia, it still has not been enough for this individual to be. accepted in society, because schizophrenia brings to the individual a cognitive impairment thus hindering their living related to society. Thus the purpose of this study is to describe and discuss the difficulties of acceptance of society faced by people with schizophrenia. For this work were used 26 scientific articles and 3 books dated from 1991 to 2019 totaling 29 read articles. The scientific articles were searched in Scielo's database, pepsic, google academic, master's and doctoral theses, magazines and books. The results of the present study indicate that society has been unable to feel the suffering of the individual with schizophrenia due to their inadequate social habits, poor hygiene care and social isolation, consequently labeling them as crazy, thus the discrimination suffered. By people with schizophrenia, further hindering their social reintegration, causing them to isolate themselves from their social life. Based on the results of the present study it can be concluded that people with schizophrenia have faced difficulties in social acceptance, experiencing an unrealistic inclusion in which they left private institutions and began to live confined within their homes due to the judgments and prejudices faced.

Keywords: schizophrenia, quality of life the person with schizophrenia, mental health.


Biografia do Autor

{$author}, Centro Universitário Brazcubas

Bacharel em Psicologia pela Universidade BrazCubas.

{$author}, Centro Universitário Brazcubas

Docente do Curso de Psicologia do Centro Universitário BrazCubas – Mogi das Cruzes.

{$author}, Centro Universitário Brazcubas

Doutorado em Psicobiologia pela Universidade Federal de São Paulo, Brasil (2016). Pesquisador do Comite Paraolimpico Brasileiro. Docente do curso de Psicologia do Centro Universitario Brazcubas – Mogi das Cruzes. 

{$author}, Centro Universitário Brazcubas

Doutorado em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano pela Universidade de São Paulo, Brasil(2011). Coordenador e Docente do curso de Psicologia do Centro Universitário BrazCubas – Mogi das Cruzes. Docente junto à Universidade do Grande ABC, UniABC, Santo André.

Publicado
2019-12-23

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

1 2 3 > >>