REVISÃO BIBLIOGRÁFICA: IDENTIFICAÇÃO DAS FALHAS NA COMUNICAÇÃO DA PASSAGEM DE PLANTÃO DE ENFERMAGEM

  • Karen Evelin Alves Eller Universidade de Mogi das Cruzes- UMC
  • Denise Mary Costa Gomes
  • Michelle Cristina Castillo de Souza Universidade Braz Cubas
  • Camila Cristina Rodrigues Universidade Braz Cubas – UBC

Resumo

RESUMO: Introdução: A passagem de plantão é a troca de informações entre a equipe que prestou cuidados ao cliente em um turno de trabalho e a equipe que irá assumir tais cuidados no turno seguinte, com o propósito de ser um instrumento para a organização e planejamento dos cuidados de enfermagem. Objetivo: Construir um quadro dos principais estudos sobre a passagem de plantão, identificando os erros mais comuns referenciados pelos autores no formato de uma lista. Materiais e Métodos: Estudo caracterizado como revisão bibliográfica do tipo qualitativa das produções nacionais sobre comunicação na passagem de plantão em enfermagem escritas entre os anos de 2007 e 2011, em que foi utilizado como método de interpretação a análise das relações de Osgood (1956). Resultados e Discussões: Foram encontrados 6 (seis) estudos nos quais os erros mais comuns são classificados como falta de clareza, conversas paralelas, falta de tempo e excesso de pacientes. Considerações Finais: Pôde ser constatado nos diferentes estudos que a comunicação pode ser comprometida devido a fatores institucionais e ao comprometimento e habilidade de quem fala.

Palavras chave: Passagem de plantão; Comunicação; Segurança do Paciente.

 

ABSTRACT: Introduction: The shift change is the Exchange of information between the team that provided care to the client in a work shift with the team that will take such care in the next turn in order to be a tool for organizing and planning care nursing. Objective: Build a table of major studies on the shift report identifying the most common errors referenced by the authors in a list format. Materials and Methods: A literature review characterized as a qualitative national productions on communication in nursing shift change produced between the years 2007 and 2001, which was used as a method of interpreting the analysis of the relations of Osgood (1056). Results and Discussion: There were six (6) studies where the most common errors are classified as lack of clarity, side conversations, lack of time and excess patients. Final Thoughts: It might be seen in different studies, communication may be compromised due to institutional factors and the commitment and skill of the speaker.

Keywords: Passing on duty, Communication, Patient Safety.

Biografia do Autor

Karen Evelin Alves Eller, Universidade de Mogi das Cruzes- UMC

Docente do Curso de Enfermagem da Universidade de Mogi das Cruzes- UMC.

Denise Mary Costa Gomes

Enfermeira formada pela Universidade Braz Cubas - UBC

Michelle Cristina Castillo de Souza, Universidade Braz Cubas

Enfermeira formada pela Universide Braz Cubas – UBC.

Camila Cristina Rodrigues, Universidade Braz Cubas – UBC

Docente do Curso de Enfermagem da Universidade Braz Cubas – UBC. Especialista em Dermatologia – UNIFESP, Mestre em Semiótica, Tecnologia da Informação e Educação – UBC.

Publicado
2017-06-01
Como Citar
Eller, K. E. A., Gomes, D. M. C., Souza, M. C. C. de, & Rodrigues, C. C. (2017). REVISÃO BIBLIOGRÁFICA: IDENTIFICAÇÃO DAS FALHAS NA COMUNICAÇÃO DA PASSAGEM DE PLANTÃO DE ENFERMAGEM. Revista Pesquisa E Ação, 3(1). Recuperado de https://revistas.brazcubas.br/index.php/pesquisa/article/view/269