CONCEITOS ATUAIS EM EXODONTIA ATRAUMÁTICA: REVISÃO DE LITERATURA

  • Juliana Campos Pinheiro UFRN
  • Luís Felipe Barbosa da Silva UFRN
  • Luana Amorim Morais da Silva UFRN
  • Gabriel Gomes da Silva UFRN
  • Daniel Felipe Fernandes Paiva UFRN
  • Karla Beatriz de Freitas Lira UFRN
Palavras-chave: Cirurgia Bucal;, Extração Dentária, Implantação Dentária

Resumo

Introdução: A perda de um dente devido à má higiene é um problema de saúde pública. O método convencional de exodontia, usado atualmente, resulta em diversas complicações no paciente como: fratura óssea, hemorragias e lesão de nervos. Diversos métodos atraumáticos podem ser utilizados para aumentar a eficiência e viabilidade clínica do procedimento, preservando o tecido adjacente e melhorando o pós-operatório do paciente. Objetivo: abordar as técnicas atuais mais utilizadas em exodontia atraumática, bem como, evidenciar suas vantagens e investigar sua viabilidade clínica em detrimento dos processos convencionais. Metodologia: Foi realizada uma revisão na literatura, utilizando as bases de dados Pubmed/Medline, Google Scholar e Lilacs, artigos do período de 2013 a 2019 através das palavras-chave: “dental extraction”, “conventional extraction” e ”atraumatic extraction”. Resultados: Os métodos estudados apresentaram uma melhor recuperação do paciente, menor lesão tecidual e maior viabilidade clínica do que o procedimento convencional utilizando forceps, embora sejam menos acessíveis. Procedimentos de exodontia atraumática apresentam bons resultados clínicos, entretanto, necessitam de uma maior capacitação profissional, são técnicas mais caras e se vê a necessidade de mais ensaios clínicos demonstrando a sua completa eficácia. Conclusão: Contudo, profissionais preferem a técnica convencional dado a sua consolidação no mercado, menor necessidade de capacitação e custo mais acessível.

Biografia do Autor

{$author}, UFRN

Cirurgiã-dentista; Mestre em Patologia Oral pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, Rio Grande do Norte, Brasil.

{$author}, UFRN

Graduando em Odontologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, Rio Grande do Norte, Brasil.

{$author}, UFRN

Graduanda em Odontologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, Rio Grande do Norte, Brasil.

{$author}, UFRN

Graduando em Odontologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, Rio Grande do Norte, Brasil.

{$author}, UFRN

Cirurgiã-dentista graduado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, Rio Grande do Norte, Brasil.

{$author}, UFRN

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, Rio Grande do Norte, Brasil.

Publicado
2020-07-18